Sydney: Gunners tocam o melhor em Sydney

Sydney: Gunners tocam o melhor em Sydney

Leia abaixo o review feito por Vincent Morello do site Yahoo News sobre o show que o Guns N’ Roses realizou em Sydney, na Austrália no dia 12 de março.

A sensação mundial de hard rock Guns N’ Roses não deixou faltar um passo quando eles tocaram o que é de melhor de três décadas de música, em Sydney, na noite de terça-feira.

Os sete homens da banda juntamente ao icônico frontman e vocalista Axl Rose, que é o único membro original desde quando ela foi formada em 1985 em Los Angeles.

Velhos roqueiros e alguns fãs jovens, que poderiam ser seus filhos lotaram a Arena Allphones em Homebush, no oeste da cidade.

Gunners, como são carinhosamente conhecidos na Austrália, apareceram no palco e abriram com Chinese Democracy, que é a faixa principal do seu álbum de 2008 com o mesmo nome.

Eles seguiram com alguns de seus sucessos da década de 1980 e início dos anos 90, incluindo Welcome to the Jungle, It’s So Easy e Estranged.

Enquanto a multidão estava ficando tranquila , ele foram recebidos pelo solo do guitarrista Richard Fortus antes dos Gunners se juntarem novamente ao palco e tocarem Live and Let Die do álbum de 1991 Use Your Illusion 1.

Dizzy Reed tocou um solo de piano, seguido pelo clássico dos Gunners You Could Be Mine do Use Your Illusion 2.

Houve dança no chão e nas cadeiras quando o guitarrista Dj Ashba começou a tocar as primeiras notas de Sweet Child O’ Mine do álbum de sucesso da banda Appetite For Destruction de 1987.

Conhecido pela abilidade de realizar covers de outras bandas, mais tarde conduziram os fãs a sua própria versão do hit Another Brick In The Wall do Pink Floyd.

O grand piano foi levado ao centro do palco para Axl Rose que manteve os fãs aos seus pés quando os Gunners tocaram outro clássico de 1991, November Rain.

Rose e seus companheiros se mantiveram afastados do que muitas bandas com mais de 25 anos no mundo da música não conseguiram evitar – o interrompimento dos bons tempos(músicas) com intermináveis tagarelices sobre nada.

Em vez disso, era música atrás de música.

A multidão bem comportada vibrou com as próximas Don’t Cry e Knocking On Heaven’s Door.

Para quebrar a ação, Rose saiu do palco temporariamente para a banda tocar uma instrumental jam em uma série de breves intervalos durante a performance de duas horas.

Fãs deram seus aplausos mais forte quando a banda tocou outro hit de 1987, Nightrain.

Os Gunners seguiram com o hit Patience de 1988 e tocou Paradise City, que quase derrubou a arena e finalizou o show desta terça-feira.

A banda começou a sua turnê pela Austrália em Perth, no sábado e depois tocou em Sydney, tocará na quarta-feira em Newcastle, seguindo dois shows em Melbourne, no fim de semana e eles encerrarem em Brisbane, no dia 20 de março.

Notícia Anterior Setlist, fotos e vídeos do Segundo Show do Guns N' Roses na Austrália
Próxima Notícia Agradecimento da campanha ‘’Guns N’ Roses In Rock In Rio 2013’’

1 comentário

  1. Os jornalistas, críticos e fãs estam parando de cometer bullying com os atuais membros da banda. Todo mundo esta começando a entender que admirar, respeitar e admitir que é fã dos atuais membros não significa renegar a formação original que é histórica. Acredito que a partir deste ano só iremos ler "criticas positivas" porque eles são realmente grandes artistas e todo mundo sabia disso só não queriam assumir para ficar com aquele blá, blá, blá de reunião da formação original sem se preocupar se isso seria desastroso para o emocional de AXL ROSE.

    Reply

Deixe um comentário